Abertas inscrições para curso de padaria artesanal para produtores rurais

O Departamento de Apoio à Agricultura, que é ligado à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Empresarial e Turístico da Prefeitura de Valinhos, promoverá nos próximos dias 25 e 26, segunda e terça-feira, um curso gratuito de padaria artesanal para produtores rurais. A ação é uma parceria com o Fundo Social de Solidariedade, o SENAR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural) e o Sindicato Rural. O curso será ministrado na sala de eventos do Fundo, localizada na Casa do Adolescente, onde também são ministrados cursos de panificação e de culinária promovidos pelo órgão. São oferecidas 20 vagas neste que é o sétimo curso de produção de pães promovido em parceria com o Fundo Social, presidido pela primeira-dama, dra. Adriana Di Nardo Silva.

Os interessados podem se inscrever até o próximo dia 20, no Departamento de Apoio à Agricultura, que fica na Avenida Onze de Agosto, 2.545 (ao lado da Delegacia da Polícia Civil), das 8 às 17 horas. Informações podem ser obtidas pelo telefone 3871-1902.

Segundo dra. Adriana, além de contribuir com a política voltada para capacitação profissional e a geração de renda e emprego, o curso terá a produção e a elaboração dos pães em prol do 2º Chá Beneficente do Fundo. O evento ocorrerá no próximo dia 27, marcando os 22 anos de criação da entidade, em 27 de abril de 1989, na primeira gestão do prefeito Marcos José da Silva. A arrecadação com a venda dos pães, assim como toda a renda do Chá, será aplicada em projetos sociais.

 

Diversificação

A instrutora do SENAR, Flávia Regina Pestana Tirlone, ensinará várias receitas de pães salgados e doces e a forma correta de produzi-los de maneira que sejam viáveis economicamente para serem comercializados ou consumidos pela própria família. Os alunos aprenderam técnicas para preparar os pães visando maior qualidade e melhor conservação do alimento.

De acordo com o engenheiro agrônomo do Departamento de Apoio à Agricultura, Marcos Mori, que coordena o evento, o curso também tem como objetivo ensinar os produtores rurais a agregar valor aos alimentos produzidos nos seus próprios sítios. "Eles poderão, por exemplo, aproveitar os legumes e frutas existentes em seus sítios para usar na confecção dos pães, e com isso variar os sabores e o valor nutricional do alimento, assim como melhorar o preço do produto", salientou.