Com fiscalizações e barreiras sanitárias, incidência de festas ilegais no município segue em queda

No último final de semana (3 e 4), a Prefeitura de Valinhos, por meio da Secretaria de Segurança Pública e Cidadania, recebeu quatro denúncias de festas ilegais no município, que, após averiguação da Guarda Municipal, não foram constatadas. O baixo número de denúncias confirma a tendência de queda já observada nas semanas anteriores, resultado da antecipação das barreiras sanitárias no município, que vêm ocorrendo desde o dia 25 de fevereiro.

“A queda no número de denúncias de festas clandestinas e aglomerações em Valinhos é um dos reflexos das medidas implementadas no município em combate à Covid-19, como as barreiras sanitárias, que agora foram expandidas e estão ocorrendo também durante o dia. Entretanto, devemos continuar seguindo todos os protocolos sanitários. A pandemia não acabou”, destaca a Prefeita Capitã Lucimara.

Durante o final de semana, a GCM realizou nove bloqueios sanitários noturnos e três diurnos, totalizando 12 barreiras sanitárias no município. As fiscalizações resultaram também em quatro autuações a bares por funcionamento não permitido.

Nos primeiros dias da fase vermelha, no início do mês de março, com bloqueios sanitários e fiscalizações intensivas em combate à Covid-19 no município, a GCM registrou 47 denúncias de festas e aglomerações. Já no final de semana seguinte, foram recebidas 27 denúncias de festas ilegais. Número que, no final de semana dos dias 20 e 21 de março, caiu para apenas nove. Na sexta-feira (26), com a averiguação e trabalho preventivo da Guarda, as seis festas denunciadas não chegaram a ser realizadas. Já no último final de semana, foram recebidas somente quatro denúncias.

A redução dos números aponta para um eficiente resultado das fiscalizações realizadas pela Prefeitura, por meio das ações da Guarda Municipal, conscientizando a população sobre a necessidade do cumprimento das normas sanitárias estabelecidas.

 

05/04/2021