Ouvidoria Municipal registra 60% de demandas atendidas em 2018

Relatório aponta 561 processos abertos e satisfação de 92% dos solicitantes 

A Ouvidoria Municipal de Valinhos registrou 561 manifestações de moradores, entre solicitações, reclamações, denúncias, sugestões e elogios, durante o ano de 2018. Desse total, 338 foram definitivamente solucionadas, o que corresponde a 60%, e 223 estão em análise ou em andamento. Os dados fazem parte do Relatório de Gestão 2018 da Ouvidoria, que traz ainda a Pesquisa de Satisfação, segundo a qual 92% dos solicitantes voltariam a usar os serviços da Ouvidoria, se necessário. 

 A partir desta terça-feira (15), a Ouvidoria Municipal vai agregar ainda o atendimento da Ouvidoria da Saúde. Segundo o ouvidor de Valinhos, Alexandre Palhares de Andrade, a Ouvidoria Municipal já atende solicitações da área de Saúde. "Todas as pessoas que nos procuram são atendidas, independentemente da área a que se refere a solicitação", explicou. A partir desta terça (15), as solicitações que eram feitas à Ouvidoria da Saúde também serão atendida pela Ouvidoria Municipal. "Vamos concentrar e otimizar o atendimento", disse Andrade.

A Ouvidoria é um canal obrigatório do município, baseado nos princípios de transparência e publicidade, para que os moradores possam se manifestar sobre os serviços prestados e a conduta dos agentes públicos na prestação e fiscalização desses serviços. O relatório anual é uma importante ferramenta para aprimorar o atendimento à população.

"A Ouvidoria atende demandas pontuais. É um canal obrigatório de transparência da administração e também é um instrumento para indicar as principais manifestações dos moradores, permitindo identificar e corrigir fragilidades e aprimorar as políticas públicas de atendimento aos moradores. O relatório contribui para aprimorar os serviços públicos e pautar o enfoque de cada Secretaria", afirmou Andrade. 

As slicitações podem ser feitas pessoalmente, no Paço Municipal (Rua Antonio Carlos, 301, Centro, Valinhos, das 9h às 11h50 e das 12h50 às 16h), ou por mensagem eletrônica (ouvidoria@valinhos.sp.gov.br). O morador explica sua solicitação, que dá início a um processo administrativo. Nesse procedimento, a Ouvidoria solicita à Secretaria envolvida que providências sejam adotadas para atender o morador. 

A confidencialidade do procedimento é mantida durante todo o processo e o morador também pode solicitar que seus dados pessoais permaneçam em sigilo. Em cada processo, no caso de reclamações, solicitações e denúncias, a Ouvidoria indica a providência a ser adotada já no primeiro encaminhamento feito à Secretaria responsável. 

Segundo o ouvidor, as secretarias buscam atender o mais rapidamente às solicitações. Quando isso não ocorre ou quando o processo administrativo é devolvido sem solução, a Ouvidoria promove uma nova tramitação, indicando a providência a ser adotada e a fundamentação para que o setor envolvido promova a regularização. 

No caso de irregularidade administrativa ou funcional, um procedimento administrativo autônomo é aberto, inclusive para apurar questões disciplinares. No final de todo o trâmite, a Ouvidoria encaminha ao morador a cópia integral do processo gerado a partir da manifestação e faz a pesquisa de satisfação. 

O relatório é encaminhado a todas as Secretarias. "A administração em Valinhos é baseada em transparência, seriedade e compromisso com os moradores. O bem-estar da população é nossa maior prioridade. O relatório é muito importante para que possamos corrigir percursos e cuidar cada vez mais e melhor da nossa cidade e das pessoas que vivem nela", disse o prefeito Orestes Previtale. 

 

15/01/2019