Saúde se prepara e cria 23 leitos para Covid-19, se necessário

Cev 1 terá 11 leitos e atendimentos de emergências de sepecialidades passa a ser feito no CEV 2 a partir de quarta-feira (22)

A Prefeitura de Valinhos e a Secretaria de Saúde estão se preparando para um possível quadro de agravamento da contaminação do Covid-19 na cidade e estão criando 23 novos leitos que poderão ser disponibilizados para o tratamento de pacientes, caso seja necessário.

A ação, que já está em andamento, e inclui o Centro de Especialidades de Valinhos (CEV) 1, na Avenida dos Esportes, que sozinho vai abrigar 11 leitos. Pacientes de especialidades passarão, a partir de quarta-feira (22), a serem atendidos no CEV 2.

A medida busca evitar que o sistema de saúde de Valinhos fique saturado nas próximas semanas, num eventual agravamento da pandemia do coronavirus no Município.

Espero que não seja necessário utilizar essa estrutura. Mas, se for preciso, a estrutura já estará pronta, à disposição dos moradores”, afirmou o prefeito, Orestes Previtale Júnior.

A Secretaria de Saúde irá transformar o CEV 1 Dr. Admar Concon em pronto atendimento de emergência para Covid 19. Outros oito leitos serão disponibilizados na Unidade Básica de Saúde (UBS) do Jardim Paraíso e mais quatro na Unidade Especial de Atendimento Pediátrico, Ginecológico e Obstétrico de Valinhos, o pronto-socorro infantil e de gestantes instalado na Vila Santana.

A mudança foi decida entre o prefeito Orestes Previtale, a secretária de Saúde, Carina Missaglia, e o Grupo de Trabalho da Covid-19. “Precisamos estar preparados e, caso a situação se agrave, teremos os 11 leitos do CEV 1 e os 8 da UBS, o que dará uma boa retaguarda para nosso sistema hospitalar”, explicou Carina.

A secretária comentou que os quatro leitos do pronto-socorro infantil e de gestantes poderão ser usados para crianças e grávidas infectados com coronavírus, mas também servem para outras emergências, caso necessário.

A criação dessa rede alternativa de leitos, segundo Carina, foi bem vista e aprovada pelo prefeito, que também é médico. Ainda segundo ela, a gestão dessa estrutura será realizada pela própria Secretaria de Saúde.

Carina comentou que os trabalhos já tiveram início. O CEV 1 vai ganhar adaptações e já conta com as instalações da rede de gases, ôxigênio e ar comprimido, para atender, se necessário, pacientes de Covid-19.

A rede de gases também está sendo viabilizada nos oito leitos da UBS do Paraíso e nos quatro leitos do pronto-socorro infantil e de gestantes. A previsão é de que a estrutura esteja pronta nas próximas semanas para a necessidade de ampliar o atendimento aos pacientes de coronavírus.

 

Mudança de atendimento

Para que a transformação no CEV 1 possa ser realizada, a Secretaria de Saúde, segundo a diretora do Departamento de Suporte ao Atendimento do Usuário, Maria Inês Travaglini Credidio, transferiu atendimentos de urgências de parte das especialidades para o CEV 2, assim como receitas das medicações de alto custo.

O atendimento de oftalmologia, ortopedia e o Serviço Especializado em Lesões Vasculares e Neuropáticas (Selven) contiunuam sendo realizados no CEV 1, por outro acesso ao prédio.

As demais especialidades serão transferidas para o CEV 2, na Rua Luiz Bissoto Filho, 21, no Bom Retiro, com atendimento das 8h às 14h, já a partir da próxima quarta-feira (22). As urgências das especialidades continuam atendendo no CEV 2 em escala de revezamento.

Emergencial

De acordo Maria Inês, a criação dos onze novos leitos hospitalares no CEV 1 vai aproveitar toda a estrutura dos ambulatórios de especialidades localizados no prédio, especialmente as instalações de oxigênio e ar comprimido. “É uma medida emergencial e esperamos contar com a compreensão da população”, disse.

Carina lembrou que o CEV 2 e o CEV 3 (na Capuava) estavam com atividades suspensas desde do dia 23 de março, logo após o decreto de Calamidade Pública baixado pelo prefeito Orestes e pela quarentena decretada pelo governo do Estado.

Embora todas as consultas eletivas tenham sido suspensas, o atendimento de urgência das especialidades ficou centralizado no CEV 1. “Essa mudança para o CEV 2 continua valendo apenas para os atendimentos de urgência das especialidades”, explicou Carina.

 

ESPECIALIDADES QUE PASSAM A SER ATENDIDAS NO CEV 2

Anestesia, Cardiologia, Cirurgia Pediátrica, Cirurgia Plástica, Dermatologia, Endocrinologia, Gastroenterologista, Geriatria, Neurocirurgia, Neurologia, Otorrinolaringologia, Pneumologia, Pneumo-Infantil, Reumatologia, Urologia e Vascular

SERVIÇO

Atendimento Especialidades CEV 2

Rua Luiz Bissoto Filho, 21 - Bom Retiro

A partir de 22 de abril - das 8h às 14h

Mais informações: (19) 3869.8367

 

17/04/2020