Sutaco avalia trabalhos manuais dos artesãos valinhenses

Medida é necessária para instruir sobre o processo de obtenção da Carteira de Identificação da Sutaco

Agentes de Cooperação da Subsecretaria do Trabalho Artesanal nas Comunidades (Sutaco) estarão em Valinhos na quarta-feira (13), no Auditório da Secretaria de Cultura, para avaliar os trabalhos manuais produzidos pelos artesãos do município. O auditório fica na Rua Itália, 267, Centro.

A avaliação é parceria entre as Secretarias de Cultura e Desenvolvimento Econômico para  instruir sobre o processo de obtenção da Carteira de Identificação da Sutaco.  Para participar, os artesãos devem comparecer, no dia 13, para entrevista e avaliação do artesanato produzido.

“O artesão terá que demonstrar sua habilidade na produção do seu artesanato diante dos agentes da Sutaco”, explicou o secretário de Cultura Rodrigo Paulo Ribeiro, o Big.

Caso não seja possível executar a técnica no local da entrevista, o artesão deverá levar peças em três fases diferentes do processo de confecção, no início, na fase intermediária e na fase final. “Mesmo assim, é importante que o artesão saiba que deverá completar uma das fases na presença dos agentes de cooperação”, comentou o secretário.

Caso o artesão queira cadastrar várias técnicas, precisa levar três trabalhos (no mínimo) de cada uma delas e o material necessário para se confeccionar uma peça de cada técnica para o teste.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Rodrigo Fagnani, o Popó, apontou que o artesanato é fonte de renda para muitas famílias valinhenses e a Carteira da Sutaco abre importantes portas para participação em feiras e eventos.

“A avaliação pela Sutaco dá um importante respaldo ao artesão e ao nosso artesanato, por isso há uma série de exigências a serem cumpridas”, disse.

O agendamento da avaliação não garante que o artesão será cadastrado, pois ela é elemento de instrução do processo para a efetivação do cadastro, segundo Popó. Se necessário, os Agentes de Cooperação poderão solicitar visita técnica ao local de trabalho do artesão.

 

Documentos

Os artesãos interessados, além de agendar a entrevista,  também devem apresentar carteira de identidade (original e cópia), CPF (original e cópia), cópia do comprovante de residência (conta de luz, telefone ou envelope dos Correios com carimbo) e uma fotografia 3 X 4 colorida, atual e sem uso.

Os interessados em participar devem realizar o agendamento da avaliação pelo telefone: 3849-3051 e comparecer no dia e horário da avaliação no Auditório da Secretaria de Cultura. Mais informações pelo telefone: 3871-3646.

 

08/03/2019