Ir para o conteúdo

Prefeitura de Valinhos e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura de Valinhos
Acompanhe-nos:
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
MAR
30
30 MAR 2022
CULTURA
Valinhos comemora 150 anos da 1ª viagem de trem a partir da Estação de Trem
enviar para um amigo
receba notícias
Conjunto ferroviário foi pioneira na eletrificação ferroviária brasileira

Encontre seus lugares no trem da Companhia Paulista de Estradas de Ferro, que a composição já está com seus motores aquecidos. Há 150 anos, exatamente no dia 31 de março de 1872, Valinhos presenciou a história nos trilhos dos trens, com a primeira viagem entre Jundiaí e Campinas. Os objetivos eram o escoamento da produção agrícola e o desbravamento cultiváveis dos interiores. A retomada da história vem ao encontro da reinauguração da Estação de Valinhos, com a entrega da reforma e revitalização do Museu Municipal Fotógrafo Haroldo Ângelo Pazinatto, marcada para esta sexta-feira (1º de abril).

“Ficamos muito orgulhosos de fazer parte dessa história da cidade, fazendo a ponte entre a recordação da viagem, em 1872, e a reinauguração da Estação. A história não deve ser esquecida nunca, porque é ela quem norteará nosso presente e nosso futuro”, associou a prefeita Capitã Lucimara Godoy. Segundo ela, a reforma e revitalização do espaço é um presente para a população, que deve cuidar, preservar e participar ativamente das ações previstas futuramente, planejadas pela Secretaria da Cultura e a Associação de Preservação Histórica de Valinhos (APHV).

Segundo o secretário da Cultura, Ricardo do Vale, o conjunto ferroviário da cidade foi considerado de vanguarda no Estado de São Paulo. “Além de se ter acesso a outras regiões, é atribuído ao conjunto a eletrificação ferroviária brasileira. Um pioneirismo”, exalta o secretário. Assim, também dinamizou o crescimento e desenvolvimento da cidade, permitindo o fluxo de imigrantes. 

A arquitetura local é ímpar, um exemplo na utilização do ferro. No entanto, não foi considerado somente a beleza e sim, o diálogo com as demais estações pioneiras da Companhia Paulista de Estradas de Ferro. O conjunto ferroviário é composto pelo prédio da Estação Ferroviária, prédio da primitiva estação (posteriormente utilizado como armazém da empresa) e pela Casa Número Um.

“A ideia de preservação histórica é garantir que as futuras gerações tenham acesso a este conhecimento, com o intuito de gerar respeito, de criar identidade com a cidade”, explicou o secretário sobre a reforma e revitalização do espaço. O trabalho realizado no local envolve um conceito amplo, levando em consideração a preservação arquitetônica, com modernização sem alterar o projeto inicial, e prevendo o urbanismo no entorno. “Queremos preservar a história”, resume o secretário.
Autor: Departamento de Comunicação - Prefeitura de Valinhos
Local: Valinhos - SP
Seta
Versão do Sistema: 3.4.1 - 29/04/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia