Ir para o conteúdo

Prefeitura de Valinhos e os cookies: nosso site usa cookies para melhorar a sua experiência de navegação. Ao continuar você concorda com a nossa Política de Cookies e Privacidade.
ACEITAR
PERSONALIZAR
Política de Cookies e Privacidade
Personalize as suas preferências de cookies.

Clique aqui e consulte nossas políticas.
Cookies necessários
Cookies de estatísticas
SALVAR
Prefeitura de Valinhos
Acompanhe-nos:
Rede Social Instagram
Rede Social Facebook
Rede Social Youtube
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
NOV
29
29 NOV 2023
ASSISTÊNCIA SOCIAL
Em reunião, Prefeitura define ações emergenciais e preventivas para região do Pinheirinho
enviar para um amigo
receba notícias
Encontro aconteceu nesta quarta (29) e resultou em ações de curto, médio e longo prazo

A Secretaria de Assistência Social, da Prefeitura de Valinhos, promoveu uma articulação em rede nesta quarta-feira (29) contando com várias secretarias, Corpo de Bombeiros, Departamento de Águas e Esgotos de Valinhos (DAEV), Coordenadoria de Defesa Civil e comissão de moradores da região do Pinheirinho. O objetivo foi definir um plano de ações emergenciais e preventivas para situações de alagamento do Ribeirão Pinheiro, resultante de fortes chuvas. 

A ideia central é criar um plano de ação mais duradouro, aprimorado a cada estação chuvosa, até se ter uma proposta definitiva para as 54 famílias residentes no local. “Ano passado tivemos alagamento desta área e no feriado de outubro ficamos de prontidão, mas sentimos a necessidade de expandir as ações, envolvendo outras Secretarias”, afirmou a secretária de Assistência Social, Flávia Montagnero.

Ações
Foram definidas quatro principais frentes emergenciais em situação de alagamento: a expansão da comunicação rápida entre moradores e responsáveis de cada área participante da reunião, via aplicativo WhatsApp, que já ocorre; o transporte para retirada das famílias e seus animais de estimação, se necessário, sob a responsabilidade da empresa Sou Valinhos; a utilização da quadra poliesportiva do bairro Bom Retiro como abrigo temporário, que possui infraestrutura adequada; o fornecimento de alimentação e água às famílias, envolvendo o Fundo Social e o DAEV.

Também foram apontadas ações paliativas, como o monitoramento e ronda em viatura feita pela Defesa Civil, que deflagrará a Operação Verão no dia 1º de dezembro; o corte de mato, poda de árvores, desassoreamento do rio, coleta de resíduos sólidos, uso de placas explicativas sobre o local; utilização de panfletos para sensibilizar os moradores para saída da área, se necessário; o compartilhamento de dados sobre as famílias entre os participantes, entre outras.

Durante o encontro também foram levantadas ações a médio e longo prazo. Entre elas, a Defesa Civil propôs a criação de um sistema com sensores colocados no rio, monitorando a elevação do nível das águas, com observação ainda pelas câmeras da GCM e disparo de sirene para alerta dos moradores. Segundo o órgão, além do Pinheirinho, o bairro Parque Portugal é a 2ª área mais preocupante na cidade, já que durante o período chuvoso ocorrem deslizamentos de terras.

“Hoje qualquer chuvisco alaga o Pinheirinho. Em menos de 20 minutos enche a casa da gente e as águas têm muita força, chegando a levantar a geladeira com mantimentos. A gente está sempre preparado, com os nossos documentos e uma muda de roupa se precisar sair correndo”, detalhou a moradora Maria Aparecida Tigre Oliveira, de 44 anos, que reside no local há 15 anos e faz parte da comissão de moradores.
Autor: Departamento de Comunicação - Prefeitura de Valinhos
Local: Valinhos - SP
Seta
Versão do Sistema: 3.4.0 - 05/02/2024
Copyright Instar - 2006-2024. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia